width=
Para poder ler documentos em formato PDF necessita do Adobe Acrobat Reader.
Tomadas de posição     


COMUNICADO DA SEDES



1. A SEDES saúda o Partido Socialista e o Partido Social Democrata pelo recente acordo parlamentar que estabeleceram para a reforma da Justiça, que é, como se sabe, um dos pilares fundamentais para o bom funcionamento de uma sociedade política.

2. A SEDES entende que este é o caminho necessário para resolver os bloqueios estruturais que põem em risco o desenvolvimento da sociedade portuguesa. Só pela via do consenso político se podem reformar, com expectativa de durabilidade e consequente previsibilidade comportamental, áreas essenciais da nossa vida social e cuja organização actual bloqueia ou ameaça bloquear a nossa capacidade de desenvolvimento.

3. Foi por isso que a SEDES terá sido a primeira organização da sociedade civil a, em Julho de 2002, apelar publicamente às principais forças políticas e sociais para que se empenhassem num Pacto de Regime “com vista a desenhar e pôr em prática uma estratégia para um desenvolvimento sustentado, justo e equilibrado”.

4. E é por isso que a SEDES espera que a experiência deste acordo possa frutificar noutras áreas fundamentais de estruturação da sociedade, como são a Administração Pública, a Educação e a Segurança Social.

5. No entanto e não obstante o apoio de princípio aqui expresso, a SEDES irá observar atentamente a forma como o presente acordo será concretizado, assegurando assim, à sua dimensão e no âmbito das suas responsabilidades, a indispensável atenção cívica sobre a conformidade entre o anunciado e o realizado pelos partidos aqui mencionados


SEDES, 11 de Setembro de 2006

O Conselho Coordenador





Voltar